Cuidado com o spam nigeriano! Eles podem até matar de rir

6 jul 2016

O que fazer quando seu filtro de e-mail não funciona e você recebe várias mensagens que claramente são spam? Muitos deletariam a mensagem sem sequer abri-la. E claro, essa é a coisa certa a ser feita. Apesar da curiosidade ter matado o gato, ela o trouxe de volta a vida por meio do riso. Analisamos spams a fundo e descobrimos algumas coisas interessantes.

nigerian-spam-featured

Você já deve ter dado de cara com um e-mail ou outro alegando ser da Nigéria, o que geralmente não é verdade. Apesar de a Nigéria ter papel principal nesses casos ao ponto de que esse tipo de spam ganhou nome de “Golpe Nigeriano”, os cibercriminosos por trás vivem principalmente nos Estados Unidos, Reino Unido, e sim, na Nigéria. Costa do Marfim, Togo, África do Sul, Holanda e Espanha também são países onde os responsáveis pelo ataque vivem.

O lado divertindo do spam
Normalmente, mensagens de spam são completamente entediantes, consistindo em promessas de transferência de rios de dinheiro para sua conta caso você pague uma pequena taxa ou compartilhe dados financeiros. Na maioria das vezes, sem qualquer cuidado ortográfico ou linguístico, além do texto questionável.

Uma pesquisa realizada pela Microsoft apontou que cibercriminosos não dão a mínima para parecerem críveis – só ligam para atingir o maior número de pessoas e maximizar seus lucros. Mas algumas vezes os e-mails são realmente muito engraçados.

Por exemplo, recentemente criminosos se passaram pelo primo do primeiro astronauta africano, que estava perdido no espaço por anos e precisava de 3 milhões de dólares para voltar para a casa. O dinheiro estaria guardado em um fundo, mas por alguma razão sua ajuda era necessária para recuperá-lo.

Em 2012, os cibercriminosos trouxeram Daenerys Targaryen, de Game of Thrones, à vida. Ela pedia 520 dólares, um navio e dragões para voltar para a casa. Como retorno, o benfeitor receberia título de Lorde nos Sete Reinos.

Outros e-mails teriam sido enviados por viajantes do tempo, demônios assassinos, videntes e homens que iriam comer seus próprios cachorros e se matar – qualquer historinha imaginável, por mais absurda, provavelmente já foi objeto de spam. Uma das mensagens recebidas por uma colega alegava ser de um advogado que desejava enviar o dinheiro de um acordo resultante de um processo contra… veja só… spam nigeriano! Para receber o dinheiro, foram requeridos dados de conta bancária. Boa tentativa, pessoal, mas hoje não.

Em contato com os golpistas
Se você for corajoso e tiver conhecimento de cibersegurança, pode pagar os golpistas na mesma moeda. Algumas pessoas obtiveram resultados bem interessantes. Por exemplo, o especialista em segurança Troy Hunt respondeu os golpistas e os pegou no flagra.

Jon Brodkin, da ArsTechnica, até permitiu que um dos golpistas tomasse controle do seu PC (de uma máquina virtual, é claro) e instalasse softwares. Surpreendentemente, ele terminou com uma cópia extra do Microsoft Office e vírus nenhum.

James Veitch, comediante de Londres, passou anos se comunicando com cibercriminosos e pregando peças neles. Por causa disso, ganhou notoriedade e reconhecimento na internet. O Sunday Herald elogiou seu trabalho, descrevendo-o como hilário e brilhante. “Nos vídeos de Veich, você encontrará uma seleção divertidíssima de correspondências hilárias com spammers.”

Vamos jogar um jogo
Já que entramos no tópico desses e-mails de spam, vamos nos divertir um pouco juntos. Adoraríamos ver os e-mails de spam que você recebeu. Vá para nossa página no Facebook e envie um screenshot nos comentários deste post. Olharemos as imagens do mundo inteiro e vamos usá-las em um post futuro do Kaspersky Daily. Também vamos premiar as melhores!