WiFi aberto? Tem alguém vigiando você

Dicas Privacidade

No começo dos anos 2000, ao entrar no transporte público e observar as pessoas ao redor, a maioria estava lendo livros ou jornais. Agora, a cada 10, 9 estão olhando para a tela do celular ou tablet. Conversando no WhatsApp ou Snapchat, rolando o feed do Facebook, Instagram ou Twitter, curtindo gatinhos, fotos de comida, selfies na praia e tudo o que possa aparecer. A maioria aproveita o WiFi gratuito da estação, ônibus ou café ao lado.
Você provavelmente também usa as mídias sociais em seu trajeto diário. Ter um dispositivo móvel à mão e estar sempre conectado é bastante conveniente: significa que além de atualizar seus perfis, manter contato com os amigos, pode verificar seus aplicativos bancários, chamar um táxi, comprar um novo cachecol e diversas outras atividades com apenas alguns cliques. O smartphone tanto poupa seu tempo como o ajuda a gastá-lo.

Acessar WiFi em todo lugar também otimiza suas tarefas diárias: já não é preciso só sobreviver aqueles minutos dentro do ônibus, você pode usá-los para fazer o que quiser. Várias cidades têm redes WiFi gratuitas no transporte público, sem falar dos restaurantes e bares em que isso é quase tão importante quanto a qualidade de atendimento. E todos se conectam, ansiosamente, nunca prestando atenção à segurança.

Mas qual é o problema com a segurança nos WiFis gratuitos? Bom, muitas armadilhas estão escondidas na conexão wireless, afetando a segurança e a privacidade do usuário. Ameaças diretas à segurança (redes falsas destinadas a interceptar dados, ataques man-in-the-middle ou MITM e assim por diante) são assustadoras, mas também menos comuns. De qualquer forma, quase todos os pontos gratuitos de WiFi são uma ameaça à privacidade por si mesmos. Eles coletam dados pessoais para negociar com terceiros que tentam vender alguma coisa. Então, muitos estão espionando você – e fazem isso com a autorização, ou seja, nos termos de uso em que marcamos a caixa “li e concordo”.

escrevemos aqui sobre a insegurança das redes WiFi gratuitas algumas vezes, mas sabemos que deixar de usá-las não é uma opção aceitável para a maioria. Então, a questão não é acessar ou não, mas saber a maneira de se conectar de modo seguro.

Existe uma solução para o problema da espionagem – você pode usar uma VPN no seu dispositivo móvel. Já falamos sobre isso detalhadamente (aqui , caso você tenha perdido) mas, para resumir: é uma conexão segura com um servidor remoto. Ela criptografa todos os dados que você manda ou recebe e assim garante a sua segurança. Qualquer um tentando roubar suas informações por meio de um WiFi públic vai ver só uma tela de tráfego criptografado que não será possível entender.

É assim que você vai conseguir evitar monitoramento e roubo de dados adicionais e outras ameaças. Mas lembre-se de ativar a VPN todas as vezes que entrar no ônibus ou ao WiFi no restaurante. É aqui que a nossa solução VPN Kaspersky Secure Connection entra – temos a versão gratuita (com 200MB por dia) ou com baixo custo (com tráfego ilimitado e outros benefícios), e você pode configurá-la para funcionar automaticamente quando detectar que seu dispositivo está sendo conectado à redes abertas. Assim não precisa se preocupar, o KSC faz isso por você.

Não tem certeza de que precisa de uma VPN? Que tal testar o Kaspersky Secure Connection? A versão básica é gratuita, e pode baixá-la para Android ou iOS.