What is jailbreaking

Definição de jailbreak

Jailbreak é o processo de exploração de falhas de um dispositivo eletrônico bloqueado para instalar outro software que não o disponibilizado pelo fabricante para uso no dispositivo. Com o jailbreak, o proprietário do dispositivo obtém acesso total à raiz do sistema operacional e a todos os recursos. Chama-se jailbreak porque envolve libertar os usuários da "prisão", que são as limitações existentes.

O que é jailbreak?

O termo jailbreak é usado com mais frequência em associação ao iPhone, que é considerado o dispositivo móvel mais "bloqueado" atualmente no mercado. As primeiras versões do iPhone não tinham uma loja de aplicativos e a interface do iOS era considerada mais limitada para os usuários do que atualmente. Nos EUA, a primeira iteração do iPhone foi apenas com a rede da AT&T e os usuários que queriam ter acesso a outras operadoras não conseguiam, a menos que tivessem um iPhone desbloqueado.

A abordagem restritiva da Apple quanto ao seu software sempre andou na contramão da variedade de opções de personalização oferecidas pelo sistema operacional Android. A principal motivação de muitos desbloqueadores é tornar o iOS mais parecido com o Android. O jailbreak sempre foi um jeito de instalar aplicativos não aprovados pela Apple e de personalizar a interface.

Desde que o termo "jailbreak" apareceu pela primeira vez, ele tem sido usado para se referir à adaptação do código em outros dispositivos, de telefones celulares a consoles de game. Algumas vezes, ele é usado para se referir à instalação de software personalizado em dispositivos móveis ou à remoção de restrições de gerenciamento de direitos autorais (DRM, Digital Rights Management) em filmes. No entanto, normalmente, o termo é usado para se referir aos produtos Apple. Além do iPhone, o jailbreak pode se referir ao iPad e ao iPod Touch.

Por vezes, o jailbreak é associado aos termos "cracking" (quebra, em relação ao software) e "rooting" (enraizamento, em relação aos telefones). O rooting pode ser descrito como a versão de jailbreak para Android, já que seu objetivo é ignorar as proteções estabelecidas pelos fabricantes e instalar sistemas operacionais móveis alternativos. O jailbreak também é usado nos boxes de streaming Amazon Firesticks e Roku para execução de software de mídia preferido para aplicativos integrados e nos consoles da Nintendo Switch para a execução de jogos emulados.

O jailbreak não modifica os principais recursos do dispositivo e um iPhone ou iPad desbloqueado ainda pode adquirir e baixar aplicativos na App Store da Apple. No entanto, para baixar aplicativos rejeitados pela Apple ou aproveitar os recursos adicionais que o jailbreak oferece, os dispositivos desbloqueados contam com lojas de aplicativos independentes. A mais popular delas é a Cydia, uma vitrine eletrônica para dispositivos iOS desbloqueados que, normalmente, é instalada durante o processo de jailbreak.

No geral, o código de jailbreak é fornecido gratuitamente em fóruns e sites pelas comunidades de hackeamento que desejam promover o uso irrestrito do dispositivo. A maioria dos códigos de jailbreak vem com instruções completas e as ferramentas de desktop para aplicação do novo código; porém, é útil ter um pouco de conhecimento técnico.

Algumas vezes, os termos "tethered" (vinculado) e "untethered" (desvinculado) são usados em associação ao jailbreak:

  • O jailbreak tethered requer que o dispositivo iOS seja conectado a um computador quando ativado. Se o iPhone não estiver conectado a um computador e tiver sido inicializado com o software especial, o dispositivo não entrará no estado desbloqueado.
  • O jailbreak untethered não requer um computador. Tudo o que é preciso para entrar no estado desbloqueado está contido no iPhone. A reinicialização longe de um computador não afeta o jailbreak. 

Atualmente, com os aplicativos do iPhone possibilitando mais acesso ao sistema operacional (SO), o jailbreak tornou-se menos popular. Como a Apple desaprova publicamente o jailbreak, ele implementou correções de hardware e software nas vulnerabilidades usadas nos jailbreaks; ou seja, muitas versões do iOS não podem ser desbloqueadas imediata ou facilmente. 

O jailbreak é ilegal?

A rigor, o jailbreak não é ilegal, mas as leis variam no mundo inteiro, continuam sendo criadas e, geralmente, são uma área cinzenta em se tratando deste tópico. Embora seja permitido aplicar o jailbreak ou rooting em um telefone (desde que você o esteja fazendo para instalar aplicativos adquiridos legalmente), será ilegal se você estiver pretendendo instalar aplicativos adquiridos ilegalmente.

Nos EUA, o jailbreak se enquadra na Lei de Direitos Autorais do Milênio Digital, que abrange questões de direitos autorais digitais. A Seção 1201 da lei proíbe o processo que visa driblar bloqueios digitais que protegem o acesso a trabalhos com direitos autorais, incluindo software. De tempos em tempos, o Congresso revisa a lei e tem expandido gradualmente a lista de itens isentos. O jailbreak de telefones foi permitido em 2010, seguido pelo de relógios inteligentes e tablets em 2015. Desde então, mais dispositivos foram adicionados à lista de isenção e a lista continua crescendo à medida que é revisada.

As leis específicas podem variar de acordo com cada jurisdição. Em muitos países, o jailbreak nunca entrou em juízo, por esse motivo, o posicionamento legal preciso pode não ficar claro.

Embora a Apple seja contrária ao jailbreak, ela não nunca entrou com processo contra nenhum desbloqueador. De fato, a Apple é grata às comunidades de jailbreak por identificar as lacunas de segurança.

Independentemente da lei, aplicar o código de jailbreak ao seu telefone anula a garantia; portanto, se algo acontecer com o seu aparelho, você não terá respaldo. Isso também deixa você exposto a inúmeros problemas de segurança, dos quais já falamos.

O jailbreak é seguro?

Embora seja permitida, a aplicação de código de jailbreak ao seu telefone não é necessariamente segura. O desbloqueio dá aos cibercriminosos a oportunidade de hackear seu telefone.

Quando você desbloqueia seu telefone, está desistindo da dedicação da Apple à segurança. Os aplicativos baixados à parte não são verificados pela App Store da Apple e, sendo assim, representam um risco à segurança. Quando você desbloqueia seu telefone, deixa de receber as atualizações do iOS, incluindo as atualizações de segurança que a Apple libera, o que expõe você ainda mais às ameaças mais recentes.

A Apple considera o jailbreak do iOS uma violação dos seus termos e condições de uso e avisa os clientes que a prática expõe o telefone a vários riscos, dentre eles:

  • Vulnerabilidades de segurança
  • Problemas de estabilidade
  • Possíveis falhas e travamentos
  • Menor duração da bateria

Esse é o motivo pelo qual a Apple faz recomendações contrárias ao desbloqueio (jailbreak) do seu iPhone ou de qualquer outro dispositivo iOS. Embora seja raro um iPhone ser contaminado por um vírus, normalmente quando isso acontece, é por causa do desbloqueio do telefone. Se acontecer algo de errado com o telefone, caberá a você consertá-lo, porque o ato de desbloqueá-lo anula a garantia.

What does jailbreaking an iPhone do?

Ele ajudaria se você também considerasse quem possui o dispositivo e quais informações encontram-se no telefone. Por exemplo, seu empregador possui o telefone? Seu endereço de e-mail de trabalho está sincronizado a ele? Qualquer atividade mal-intencionada não apenas coloca seus dados em risco, mas também os da organização para qual você trabalha. Como os telefones desbloqueados não têm segurança suficiente, você coloca sua organização em um risco maior de ataque cibernético.

Normalmente, as organizações que disponibilizam dispositivos móveis aos funcionários contam com medidas de segurança para evitar que os usuários coloquem os dados da empresa em risco. Essas medidas podem incluir um bloqueio ainda maior dos telefones para que apenas determinados recursos possam ser adicionados ou alterados, manter os dispositivos e aplicativos atualizados e instalar um agente de dispositivo móvel que detecte um dispositivo desbloqueado.

Jailbreak – prós e contras

Vantagens do jailbreak

Maior controle sobre o dispositivo

O objetivo da Apple é manter uma unificação entre os usuários. Os usuários que determinarem que essa posição é restritiva e quiserem personalizar seu telefone com seus próprios ícones, papéis de parede e menus, o jailbreak é a solução. Você se torna o administrador do seu dispositivo, com todos os direitos relevantes, em vez de a Apple ou qualquer outro. Por exemplo, você pode adicionar outros ícones à tela inicial do seu iPhone ou instalar seu próprio protetor de tela. Além disso, o jailbreak confere maior acesso ao sistema de arquivos e, até mesmo, desbloqueia a comunicação com outro dispositivo, ou seja, você pode conectar seu iPad ao seu PC e ter maior controle sobre o que pode ver e fazer.

Instalação e uso de aplicativos não autorizados

A Apple bane vários aplicativos da sua App Store por motivos de segurança. O jailbreak permite a instalação de vários aplicativos que não estão disponíveis na App Store. A Cydia é a vitrine eletrônica mais popular para telefones desbloqueados, permitindo a adição de aplicativos não autorizados, como jogos e ferramentas de rede. Os emuladores de jogos retrô também são bons exemplos: a Apple os exclui da sua loja de aplicativos (porque eles permitem jogar títulos de computador antigos sem comprar as cópias originais). No entanto, na Cydia, eles estão disponíveis gratuitamente.

Remoção ou exclusão de aplicativos pré-instalados

O iOS não permite a alteração ou exclusão dos aplicativos padrão, como Apple Watch, Weather, Games Center e assim por diante. Esses aplicativos ocupam espaço na memória, o que é inconveniente para aqueles que não os utilizam. O jailbreak permite a remoção dos aplicativos padrão da Apple e o uso de aplicativos de terceiros em vez disso. Ou seja, você pode usar a Siri no Google Maps para dirigir, em vez do Mapas da Apple, se preferir.

Acesso a recursos antirroubo adicionais

Alguns usuários acreditam que o jailbreak confere a eles acesso a recursos antirroubo melhores. Por exemplo, o iPhone conta com o recurso Buscar iPhone, mas ele não funciona quando o telefone está no modo avião, desligado ou off-line. Existem aplicativos no jailbreak que alegam ser melhores do que o Buscar iPhone, como é o caso do iCaughtU. Quando um ladrão entra com uma senha errada, a câmera frontal tira uma foto do autor do crime e envia um e-mail para o proprietário.

Desvantagens do jailbreak

Sem mais atualizações automáticas

Você não receberá mais atualizações automáticas diretamente da Apple. Para cada nova versão do iOS, você precisará esperar pelo hackeamento apropriado da comunidade de jailbreak. O jailbreak leva tempo e tem de ser feito para cada versão do iOS que a Apple liberar; isso significa que você não consegue atualizar seu telefone desbloqueado até que a atualização mais recente tenha sido desbloqueada, que pode não ser imediata. O processo de jailbreak após atualizações importantes pode trazer mais problemas do que vantagens do jailbreak.

Incapacidade de aplicação de algumas atualizações de software

Algumas modificações não autorizadas têm deixado os iPhones inoperantes quando as atualizações do iOS fornecidas pela Apple são instaladas.

Anulação da garantia do telefone

A Apple estabelece que a modificação não autorizada do iOS é uma violação do contrato de licença do software do usuário final. Por conta disso, a Apple pode se negar a fazer a manutenção de um iPhone, iPad ou iPod touch no qual um software não autorizado tiver sido instalado. Portanto, se seu dispositivo apresentar danos ou mau funcionamento após ser desbloqueado, a Apple pode se recusar a fazer o reparo.

Menor duração da bateria

O software hackeado pode causar um esgotamento acelerado da bateria que encurta a operação de um iPhone, iPad ou iPod touch em uma única carga de bateria.

Você pode "brickar" seu telefone

Um telefone "brickado" não inicializa, responde a digitação nem efetua chamadas; ou seja, é tão útil como um "tijolo" ("brick" em inglês). O jailbreak em si não bricka o telefone, mas o processo expõe o telefone a riscos, que podem levar a isso.

Você pode perder o acesso ao conteúdo ou aos serviços

A motivação para o desbloqueio de um telefone, geralmente, é para se obter acesso a mais conteúdos; porém, algumas vezes, isso pode ter um efeito contrário, já que o usuário pode perder o acesso a outros serviços, como o iCloud, iMessage, FaceTime, Apple Pay, Weather e Stocks, durante o processo. Os aplicativos de terceiros que usam o Apple Push Notification Service têm tido dificuldade de receber notificações ou receberam notificações que eram destinadas a outro dispositivo hackeado. Outros serviços baseados em envio por push, como o iCloud e o Exchange, apresentaram problemas para sincronizar dados com seus respectivos servidores. Houve relatos de fornecedores de terceiros que bloquearam os dispositivos de jailbreak.

<h4>Há grande probabilidade de o seu telefone travar</h4>
Existe uma grande probabilidade de o seu iPhone ou iPad travar. Devido ao fato de os aplicativos disponíveis para dispositivos bloqueados acessarem recursos e APIs não disponíveis para aplicativos aprovados pela Apple, esses recursos podem não ser testados também. Eles podem levar a travamentos frequentes e inesperados do dispositivo, bem como congelamentos de aplicativos integrados e de terceiros e perda de dados.

Voz e dados não confiáveis

O jailbreak pode acarretar chamadas ignoradas, conexões de dados lentas ou não confiáveis e atraso e imprecisão nos dados de localização.

Violações de dados

Um notório incidente de hackeamento por jailbreak ocorreu quando hackers obtiveram acesso às informações de login do iCloud de 225.000 pessoas que tentavam fazer o desbloqueio. O hackeamento foi facilitado pelas vulnerabilidades de segurança criadas pelo jailbreak, o que ajudou os hackers a infiltrarem os dispositivos dos usuários.

Você pode causar sérios problemas

A natureza fechada do iOS foi desenvolvida para proporcionar um dos sistemas operacionais móveis mais seguros, protegendo suas informações pessoais e o sistema em si. Ao desbloquear seu telefone, você aumenta os riscos de hackers roubarem suas informações pessoais, danificarem seu dispositivo, atacarem sua rede ou introduzirem malware, spyware ou vírus.

Os riscos à segurança acarretados pelo jailbreak

Existem riscos à segurança quando o assunto é o jailbreak do seu telefone. Embora o desbloqueio dê a você mais controle sobre seu dispositivo, ele também confere mais controle a todos os aplicativos executados no telefone. As maiores ameaças à segurança vêm de permitir que esses aplicativos solicitem acesso à raiz ao dispositivo. Se for instalado malware no dispositivo, ele poderá ser estendido e obter acesso à raiz e, consequentemente, acesso completo a todos os dados no dispositivo.

O jailbreak remove a segurança restrita da Apple, que foi criada para proteger os usuários das ameaças à segurança. Os telefones bloqueados são muito mais suscetíveis a vírus e malware, porque os usuários podem evitar os processos de controle de aplicativo da Apple que ajudam a garantir que os usuários baixem aplicativos sem vírus. O jailbreak viabiliza a pirataria, ou seja, aplicativos e jogos podem ser distribuídos gratuitamente. Isso significa que você está depositando sua confiança nos desenvolvedores de todos os aplicativos que você instala, menos na Apple.

Os dados de aplicativos bancários, senhas armazenadas e informações de contas de redes sociais podem estar correndo risco se eles se tornarem acessíveis em um iPhone desbloqueado. Como mencionado anteriormente, esse risco tornou-se aparente quando um malware de jailbreak de iOS chamado KeyRaider roubou 225.000 IDs Apple e milhares de certificados, chaves privadas e recibos de compras. No final das contas, as vítimas relataram que suas contas roubadas apresentaram histórico anormal de compras de aplicativos e, entre outras coisas, que os telefones estavam bloqueados e mantidos até pagamento de regaste.

Além do risco maior de malware, os iPhones desbloqueados, geralmente, ficam repletos de bugs que podem travar seu telefone e desabilitar outros recursos importantes. Quanto maior o uso de smartphones, maior também é o risco de crimes contra dispositivos móveis. Por isso é essencial manter-se informado sobre as ameaças e golpes mais recentes e instalar uma solução de segurança móvel no seu dispositivo.

Como corrigir um telefone desbloqueado

Para corrigir o jailbreak, basta simplesmente restaurar seu iPhone. Não é preciso excluir manualmente os aplicativos de jailbreak que você instalou, porque o procedimento exclui todos os recursos do iPhone, retornando o dispositivo ao estado padrão de fábrica da Apple.

Antes de começar, faça um backup completo do seu iPhone ou iPad. Isso porque o processo de remoção de jailbreak limpará seu dispositivo por completo e o restaurará com a configuração padrão. Por isso, você precisa, antes de mais nada, fazer o backup dos arquivos que deseja manter. Recomenda-se salvar seu arquivo de backup em dois locais (localmente e na nuvem).

Etapa 1: Faça o backup no iCloud:

  • Conecteseu iPhone, iPad ou iPod touch ao Wi-Fi.
  • Vá para Ajustes, toque em Seu nome e selecione 
  • Toque no backup doiCloud e alterne para
  • Por fim, clique em Fazer backup agorae permaneça conectado à rede Wi-Fi até que o processo termine.

Caso você queira verificar o progresso e confirmar se o backup foi concluído, vá para Ajustes, toque em Seu nome, toque em iCloud e abra o backup do iCloud. No botão Fazer backup agora, você pode ver a hora e a datado último backup.

Etapa 2: Siga estas etapas para reverter o jailbreak:

  1. Conecteseu iPhone ou iPad ao PC ou Mac usando o cabo USB original.
  2. Inicie o iTunes no seu computador.
  3. Desbloqueie seu dispositivo e desligue o Buscar iPhone.
  4. Vá para Ajustes, toque em Seunome e selecione 
  5. Toque em Buscar iPhone e alterne para DESLIGADO. Você terá que inserir seu ID Apple e sua senha para desativar esse recurso.
  6. No iTunesem seu computador, selecione seu dispositivo quando exibido.
  7. No painel Resumo, clique no botão Restaurar. Isso inicia o processo de remoção do jailbreak.
  8. Durante o procedimento, seu dispositivo será reiniciado. Um prompt será exibido, questionando se você deseja restaurá-lo de um backup. Aqui, é possível selecionar a opção iCloud caso você queira restaurá-lo do arquivo criado anteriormente.
  9. Assim que o processo terminar, seu dispositivo iOS estará redefinido com as configurações de fábrica. Serão exibidas as etapas de configuração normais de quando você ativou o dispositivo pela primeira vez.

Caso você não consiga restaurar um iPhone desbloqueado por algum motivo, pode usar o modo de recuperação para apagar o dispositivo.

Resumindo: a vulnerabilidade dos aplicativos em dispositivos desbloqueados facilita bastante para invasores roubarem dados valiosos, como informações de pagamentos. Manter-se alerta aos perigos pode ajudar a você usar a Internet com segurança.

O Kaspersky Security Cloud disponibiliza melhorias de segurança úteis para usuários do iOS. Dentre essas melhorias estão uma VPN integrada, que é ativada automaticamente quando identifica que a conexão não é segura, notificações sobre incidentes relevantes de segurança e uma ferramenta que verifica as configurações frágeis do sistema. Também úteis para a segurança móvel são o Kaspersky Password Manager e, na versão para a família, o Kaspersky Safe Kids, uma ferramenta de controle parental avançado.

Artigos relacionados:

O que é jailbreak – definição e explicação


Kaspersky Logo