A recente explosão de spyware em celulares pode ser diretamente vinculada à maneira como o uso dos telefones mudou nos últimos anos. O que antes servia somente como uma ferramenta de contato para quem estava longe de casa ou do trabalho hoje é parte integrante da vida das pessoas. Muitas pessoas vivem nos telefones, armazenam informações pessoais e gravam praticamente tudo o que fazem. Por isso, hoje, os celulares se tornaram o principal alvo de softwares de espionagem.

O que é spyware de celular?

Spyware é qualquer software que registra informações sobre você ou suas atividades no telefone, sem seu conhecimento, seja no computador de casa, laptop do trabalho, tablet ou celular. A maioria dos spywares é instalada depois que o usuário é convencido a acessar um site corrompido, que explora o software para instalar o spyware, ou quando ele resolve instalar um programa que contém spyware. Existem ainda aplicativos de espionagem dedicados que alguém pode instalar em seu dispositivo em menos de um minuto, se tiver acesso a ele.

Os danos causados pelo spyware

Muitos programas de spyware se enquadram na categoria "assustadores, mas benignos", podendo até ser implementados pelo fabricante do telefone. Esse software rastreia seus movimentos físicos e o uso da Internet, para direcionar melhor os anúncios que chegam para você. É um tanto assustador pensar nisso, mas esse tipo de spyware raramente tem impacto direto sobre você ou suas informações.

Entretanto, existem outros tipos de spyware de celular que realmente são preocupantes. São programas criados para coletar suas informações para roubo de identidade ou espionagem corporativa, ou até para espionar você diretamente, acessando a câmera e o microfone do seu smartphone. Na medida em que os dispositivos móveis se tornam mais semelhantes aos computadores e são mais usados nas empresas, esse tipo de spyware pode se tornar mais predominante no futuro.

Três dicas para evitar problemas

Se você quer se proteger do spyware, o primeiro passo é evitá-lo de forma geral. Nem sempre isso é possível, mas com algumas regras simples, você ficará menos suscetível a programas maliciosos em seu telefone.

Primeiro, evite instalar programas de software de terceiros nos dispositivos. Use somente aplicativos disponíveis em canais oficiais, como a App Store ou o Google Play. Mesmo assim, e principalmente se você usa um dispositivo Android, instale apenas aplicativos lançados por desenvolvedores confiáveis, com um número razoável de avaliações positivas. Aplicativos de terceiros são repletos de malware, e mesmo os que estão nas lojas oficiais podem conter recursos de spyware.

Por isso, sempre verifique as permissões dos aplicativos quando for instalá-los. Um aplicativo de navegação obviamente precisará de acesso ao GPS do telefone, mas um aplicativo de anotações, não. Se um aplicativo pedir permissões que parecem estranhas, interrompa a instalação e evite o aplicativo.

Assim como em seu computador doméstico ou laptop do trabalho, fique sempre atento a anexos não solicitados, links e conexões Wi-Fi públicas e abertas. Os hackers podem usar tudo isso para instalar spyware em seu dispositivo. Por isso, evite conexões públicas e nunca clique em links nem abra anexos de e-mail dos quais você desconhece a fonte ou de quem não espera arquivo algum.

Por fim, todas essas regras não valerão nada se você não proteger seu smartphone adequadamente. Se um ladrão colocar as mãos no seu dispositivo, em apenas alguns minutos, ele rouba informações ou instala programas de spyware. Para se proteger, sempre bloqueie a tela do telefone para que, se você deixá-lo desprotegido por alguns minutos, um ladrão não tenha tempo de burlar o bloqueio e acessar seu dispositivo.

Como obter proteção completa

Com a mobilidade assumindo um papel mais importante nos negócios e no lazer, mesmo o usuário mais cuidadoso não tem como garantir que apenas evitar certas ações o protegerá totalmente contra spyware no celular. O próximo nível de proteção só pode vir do uso de uma solução de segurança para dispositivos móveis de qualidade.

Um aplicativo de segurança de dispositivos móveis verifica os aplicativos enquanto você os baixa para saber se estão livres de vírus e spyware, e continua a verificação na medida em que os bancos de dados de ameaças são atualizados com ameaças emergentes. Também bloqueia sites perigosos que podem instalar malware no seu celular e verifica links enviados por mensagens de texto. Caso seu dispositivo seja roubado, você tem a opção de bloquear o acesso às suas informações ou limpar completamente o dispositivo.

Existem alguns aplicativos de segurança de dispositivos móveis gratuitos no mercado, embora sejam menos robustos e atualizados com menos frequência do que os aplicativos mais consagrados. A melhor opção pode ser uma solução de segurança que ofereça um período de avaliação gratuita, assim você testa o aplicativo na prática antes de comprá-lo. Alguns líderes do setor oferecem pacotes de segurança combinados que protegem telefone, tablet e computador ao mesmo tempo.

Existem milhares de spyware e malware para dispositivos móveis ativos, e o problema não vai desaparecer. É imprescindível agir agora para proteger sua identidade, suas informações e finanças, e somente uma combinação de uso inteligente com software de segurança de dispositivos móveis pode mantê-lo protegido.

Outros artigos e links relacionados à segurança de dispositivos móveis