content/pt-br/images/repository/isc/2017-images/internet-safety-tips-img-05.jpg

Você coloca o cinto de segurança. Você estaciona o carro ao lado do poste de iluminação da rua. Você usa protetor solar mesmo quando o tempo está nublado. Você não corre riscos! Mas o que acontece quando você está on-line? Confira a lista para saber se está expondo seu dinheiro e sua identidade aos perigos da Internet.

  1. Você supõe que o site do seu banco seja seguro.
    Os bandidos estão sempre atrás do seu dinheiro. Por isso, ao digitar o URL do site do banco com pressa ou não observar se você foi redirecionado para um site falso, você pode ser roubado. Para evitar saques indesejados, use a tecnologia Safe Money da Kaspersky para identificar sites de phishing e proteger todos os aspectos de sua experiência em bancos on-line.
  2. Você compra em lojas de origem duvidosa.
    É muito fácil se animar quando você vê uma daquelas excelentes ofertas on-line, mas tenha cuidado antes de clicar em “Adicionar ao carrinho”. Se você foi atraído por uma pechincha em um site de compras desconhecido ou clicou no resultado de uma pesquisa em vez de digitar o URL, pode estar comprando algo de um criminoso virtual. Então, como é possível fazer compras on-line com segurança? Proteja todas as suas transações do início ao fim com a tecnologia Safe Money da Kaspersky.
  3. Você usa uma única senha.
    Se você não presta muita atenção às senhas que usa, hackers podem roubar seu dinheiro e sua identidade on-line. Ao usar diversas senhas, você evita que eles acessem seu mundo digital inteiro com apenas uma palavra. Criar senhas fortes também é crucial. Felizmente, o recurso Password Manager da Kaspersky gera senhas e as armazena em todos os seus dispositivos. Todos os seus sites ficam protegidos, e você só precisa memorizar uma senha.
  4. Você não conhece todos os seus amigos.
    Pode ser legal ter no Facebook todos os amigos de sua cidade, mas é mais seguro ser criterioso na hora de expandir sua rede social. Quando você aceita uma solicitação de amizade de alguém que não conhece, está facilitando a entrada de malware ou de ladrões de identidade em seu círculo.
  5. Você não questiona a confiabilidade dos sites
    É importante ser um pouco desconfiado ao acessar a Web. Mais de 5.000 sites comprometidos são detectados diariamente. Se você nunca questiona a legitimidade das páginas que acessa, pode perder dinheiro e dados para os criminosos virtuais. Não clique em anúncios incomuns e links enviados por e-mail ou mensagens de texto por pessoas desconhecidas.
  6. Você é muito sociável.
    Pode ser perigoso divulgar informações importantes a amigos e a sua rede de contatos estendida. Quando você posta fatos pessoais como seu nome, a escola onde estudou ou a história de sua família, distribui sem querer as respostas às perguntas de segurança de suas senhas. Ajuste seus controles de privacidade para limitar as pessoas que podem ver suas informações.
  7. Você não lê as letras miúdas.
    Ninguém gosta de ler as letras miúdas. É por isso que certas empresas virtuais aproveitam esse espaço para incluir informações cuidadosamente formuladas. Quando você aceita os termos e condições sem uma leitura atenta, pode abrir mão de sua privacidade on-line em favor da empresa e suas afiliadas.
  8. Você faz compras e usa bancos on-line em redes Wi-Fi públicas.
    Os criminosos virtuais adoram espionar conexões públicas de Wi-Fi e enganar os usuários para que entrem em redes falsas. Desconfie de todos os links de Wi-Fi e use uma VPN (rede virtual privada) para criptografar dados importantes. Para verificar se a sua conexão é totalmente segura, use a tecnologia Safe Money da Kaspersky quando for fazer compras e acessar serviços de bancos on-line. Se estiver em um dispositivo móvel, use a rede de dados do telefone para transações importantes.
  9. Você desbloqueia seus dispositivos móveis.
    O desbloqueio por jailbreak vai além de permitir mais recursos no smartphone ou tablet. Ele também remove proteções importantes e deixa o aparelho aberto para uma infinidade de malware específico para dispositivos móveis. Para manter a segurança em qualquer lugar, evite desbloquear o aparelho e acessar sites de download de terceiros, aplicativos duvidosos e outros perigos on-line que vêm com eles.
  10. Você não sabe o que seus filhos fazem na Internet.
    Se você tem filhos, deve conhecer os sites e redes sociais que eles mais usam. A Internet pode ser uma extensão da vida de seus filhos, portanto faz sentido você se envolver para instruí-los sobre como usar corretamente a Internet, ficar longe de bullying virtual e outros desafios que comprometem a segurança on-line.

Outros artigos e links relacionados a

As dez ações possivelmente perigosas que você realiza on-line

Dê uma olhada na lista das 10 coisas que você pode fazer on-line e, por sua vez, você está expondo dados privados da sua conta. Descubra aqui!
Kaspersky Logo